Nossa Bandeira é o Marajó!!! Junte-se a nós!!!

Notícias

IDH MARAJÓ | Seis municípios marajoaras apresentaram Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) muito baixo

By Movimento Marajó Forte - quarta-feira, 31 de julho de 2013 1 Comment
Cena do cotidiano em Melgaço (PA) - Pior IDHM do Brasil - Rua Princesa Isabel, área urbana do município. Foto: Ricardo Fialho/MMF.

Segundo o PNUD, o conceito de desenvolvimento humano nasceu definido como um processo de ampliação das escolhas das pessoas para que elas tenham capacidades e oportunidades para serem aquilo que desejam ser. 

Diferentemente da perspectiva do crescimento econômico, que vê o bem-estar de uma sociedade apenas pelos recursos ou pela renda que ela pode gerar, a abordagem de desenvolvimento humano procura olhar diretamente para as pessoas, suas oportunidades e capacidades. A renda é importante, mas como um dos meios do desenvolvimento e não como seu fim. É uma mudança de perspectiva: com o desenvolvimento humano, o foco é transferido do crescimento econômico, ou da renda, para o ser humano.

O conceito de Desenvolvimento Humano também parte do pressuposto de que para aferir o avanço na qualidade de vida de uma população é preciso ir além do viés puramente econômico e considerar outras características sociais, culturais e políticas que influenciam a qualidade da vida humana. Esse conceito é a base do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH).

O Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) é uma medida resumida do progresso a longo prazo em três dimensões básicas do desenvolvimento humano: renda, educação e saúde. O objetivo da criação do IDH foi o de oferecer um contraponto a outro indicador muito utilizado, o Produto Interno Bruto (PIB) per capita, que considera apenas a dimensão econômica do desenvolvimento.

O índice varia de zero (nenhum desenvolvimento humano) a um (desenvolvimento humano total). Países com IDH até 0,499 têm desenvolvimento humano considerado baixo, os países com índices entre 0,500 e 0,799 são considerados de médio desenvolvimento humano e países com IDH superior a 0,800 têm desenvolvimento humano considerado alto. Abaixo de 0,499 são considerados Muito Baixos. 

 

Segundo o estudo do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud), divulgado na segunda-feira (29) e intitulado "Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil 2013", o Pará tem 8 municípios com IDHM muito baixo (ver figura abaixo). Sendo que, seis municípios (Afuá, Anajás, Portel, Bagre, Chaves e Melgaço) estão situados na Mesorregião do Marajó. E o município de Melgaço tem o pior IDHM do Brasil. 

Clique na imagem para ampliá-la.

Os baixos somam 88. Os médios são 44 e os que alcançaram índices de desenvolvimento humano classificados como Alto foram três: Ananindeua, Belém e Parauapebas.

IDHM - RANKING DOS MUNICÍPIOS MARAJOARAS

Clique na imagem para ampliá-la.

IDHM - Educação

Clique na imagem para ampliá-la.


Taxa de Analfabetismo

Clique na imagem para ampliá-la.
 
IDHM - Renda

Renda per capita

Clique na imagem para ampliá-la.

Renda - Pobreza

Clique na imagem para ampliá-la.


Clique na imagem para ampliá-la.

Trabalho - Ocupação

Clique na imagem para ampliá-la.


Vulnerabilidade - Crianças

Clique na imagem para ampliá-la.

Vulnerabilidade - Mulheres

Clique na imagem para ampliá-la.

Vulnerabilidade - Trabalho, Emprego e Renda

Clique na imagem para ampliá-la.

Vulnerabilidade - Habitação

Clique na imagem para ampliá-la.

População

Clique na imagem para ampliá-la.

Clique na imagem para ampliá-la.

Clique na imagem para ampliá-la.

Demografia
Clique na imagem para ampliá-la.

(PNUD/Atlas Brasil 2013)

Um comentário to ''IDH MARAJÓ | Seis municípios marajoaras apresentaram Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) muito baixo"

ADD COMMENT
  1. parabens pela postagens quero disse quer o municipio do marajó esta nesta situação por gestores quer desvio dinheiro publico da educação,saúde.um exemplo quase todos gestores quer deixar prefeitura sair com varios processo na justica federal por desvio de recurso publico.

    ResponderExcluir